So Far Away

Quando ela cai no sofá...

So Far Away
+
"Não me olhe assim, com esses olhos de ressaca de quem se afogou numa vida amarga. Você equilibra o suicídio entre os dedos e as olheiras pesam e engasgam-se em suas muitas histórias para contar. E eu te almejo. Em um não almejar por ser bela, por ser triste. Por querer que complete o vazio que sinto em mim, nem porque meus monstros simpatizaram-se com os teus. Te almejo, te desejo, porque não posso tê-la. O meu sangue borbulha e faz rosas despetalarem, mas não é por isso que te quero. Te quero, e é um querer descontente. É duvidoso. Emaranhado de paradoxos. Te anseio porque um abismo nos separa e, você, do outro lado, me chamando vestida de branco, me convida a pular e, eu pulo, faço piruetas até. Não posso tê-la pois o destino debocha de nós. E você é essa família de pardais que habita em mim, e eles cantam minha vida com o caos do problema. Alto, eles cantam. Sem desafinar, eles continuam a cantar. E seus pequenos pulmões explodem de emoção quando começo a chorar, e eles rasgam e queimam em mim e eu rio, chorando. E choro por ser obrigado, e os suicidas se jogam do quinto andar porque são obrigados. A mulher que balança a cintura com graciosidade e vende seu corpo cheio de poesia, o faz, por obrigação. Somos marionetes do destino e ele ri, desdenhoso, de nós. Só os loucos me interessam, e seus cabelos despenteados e as unhas coloridas me fazem acolher sua loucura como minha. E eu poderia curar minha tontura apenas apoiando-me em ti, mas você não está lá. Embora tudo esteja escuro, consigo enxergar a sua monotonia exalando luzes dançantes nas paredes do meu eu. E atiro-me no abismo, e a gargalhada do destino é a dúvida que traz o comichão que sinto nas costas esperando que você esteja lá embaixo para sangrar comigo."
Escritor de Lanchonete.   (via oxigenio-dapalavra)
+
+
so-personal:

everything personal
+
+
+
emilymclennon:

yxxck:

florderst:

shawnali:

The first time I held a human brain in Anatomy Lab I was completely speechless. I looked at my classmates expecting a similar reaction and they looked back at me confused like…”dude let’s start identifying the structures.” I had to take a step back and let it process…in my hands was someone’s entire life. From start to finish, every memory, every emotion, every bodily control…was right there in my hands. 

I don’t care if people unfollow this is spectacular

This post just fucked me up literally

Well shit…
+
+
+
+
+
"Most of the pain you’re dealing with are really just thoughts… ever think of that?"
(via happy-absturz)
+
+
+
+

Bjork, photographed by Jane Bown